9.6 C
Londres
Sábado, Maio 25, 2024

30 de Abril é o Dia Internacional do Jazz

A Assembleia Geral das Nações Unidas reconheceu formalmente o Dia Internacional do Jazz no seu calendário oficial em Dezembro de 2012.

30 de Abril é o Dia Internacional do Jazz.

O Dia Internacional do Jazz é presidido pela Diretora-Geral da UNESCO, Audrey Azoulay e, pelo lendário pianista e compositor de jazz Herbie Hancock, Embaixador da Boa Vontade da UNESCO e também Presidente do Instituto de Jazz Herbie Hancock.

“Com conflitos e divisões em muitas partes do Mundo, eu espero que, por meio da linguagem universal do jazz, a nossa celebração deste ano possa inspirar pessoas de todas as nações a melhorarem, ter esperança e a trabalhar em conjunto para promover a paz.” – Herbie Hancock

O evento foi declarado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura em 2011 para destacar o jazz e o seu papel diplomático de unir pessoas em todos os cantos do Mundo. É comemorado anualmente a 30 de Abril e partiu de uma ideia do pianista de jazz e Embaixador da Boa Vontade da UNESCO Herbie Hancock.

 

Participação Mundial no Dia Internacional do Jazz

Quase 200 países participam do Dia Internacional do Jazz todos os anos. Além de concertos e jam sessions, os eventos incluem workshops, conferências e alcance comunitário. O registo oficial de eventos mundiais está hospedado em jazzday.com, onde são exibidos e indexados alfabeticamente por país. A plataforma Jazzday.com também lista eventos notáveis, organizados ao longo dos últimos dez anos.

 

O Jazz e a Expressão Cultural

Imagem © DR (202304030) 30 de Abril é o Dia Internacional do Jazz B
Angélique Kidjo, a ensaiar para as comemorações do primeiro Dia Internacional do Jazz

A descrição oficial da UNESCO do Dia Internacional do Jazz coloca a celebração anual no contexto da Convenção de 2005 sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais.

Nesse contexto, declara que o Dia do Jazz integra a cultura em estruturas de desenvolvimento sustentável, promove os direitos humanos e as liberdades fundamentais e protege e promove a diversidade das expressões culturais.

 

História da Criação do Dia Internacional do Jazz

Após sua designação como Embaixador da Boa Vontade da UNESCO para o Diálogo Intercultural, a 22 de Julho de 2011, Herbie Hancock anunciou a sua intenção de criar um Dia Internacional celebrando o papel diplomático do jazz.

Em Novembro de 2011, após uma recomendação favorável do 187º Conselho Executivo, a Conferência Geral da UNESCO proclamou o dia 30 de Abril como “Dia Internacional do Jazz”, reconhecendo o jazz como “um meio de desenvolver e aumentar as trocas e a compreensão intercultural entre as culturas para fins de compreensão mútua e tolerância“.

A data de 30 de Abril foi proposta para posicionar o Dia Internacional do Jazz como a culminação do Jazz Appreciation Month (JAM) do Smithsonian Institution em Abril, embora não exista nenhuma ligação formal entre o JAM e o Dia Internacional do Jazz.

A Assembleia Geral das Nações Unidas reconheceu formalmente o Dia Internacional do Jazz no seu calendário oficial em Dezembro de 2012.

 

A Música de Improvisação e a Criação Coletiva

O Dia Internacional do Jazz aumenta a consciencialização na comunidade internacional das virtudes do jazz como uma força para a paz, a unidade, o diálogo e a cooperação aprimorada entre as pessoas, além de ser uma ferramenta educacional.

Muitos governos, organizações da sociedade civil, instituições educacionais e cidadãos privados atualmente envolvidos na promoção da música jazz abraçam a oportunidade de fomentar uma maior apreciação, não apenas pela música, mas também pela contribuição que pode fazer para construir sociedades mais inclusivas.

O Dia Internacional do Jazz tem obtido sucessos extraordinários ao longo da última década, tornando-se a maior celebração anual de jazz do Mundo. É um movimento global que envolve pessoas anualmente em todos os continentes, por meio de programas de educação, performances, alcance comunitário e cobertura mediática.

 

Por Que o Jazz?

  • O jazz quebra barreiras e cria oportunidades para mútuo entendimento e tolerância;
  • O jazz é um vetor de liberdade de expressão;
  • O jazz é um símbolo de unidade e paz;
  • O jazz reduz as tensões entre indivíduos, grupos e comunidades;
  • O jazz promove a igualdade de género;
  • O jazz reforça o papel da juventude para a mudança social;
  • O jazz encoraja a inovação artística, improvisação, novas formas de expressão e inclusão de formas de música tradicional em novas formas;
  • O jazz estimula o diálogo intercultural e capacita jovens de sociedades marginalizadas.

No Dia Internacional do Jazz, comunidades, escolas, artistas, historiadores, académicos e entusiastas do jazz em todo o Mundo, reúnem.se para celebrar e aprender sobre a arte do jazz, as suas raízes, o seu futuro e o seu impacto no Mundo.

Esta importante forma de arte internacional é celebrada por promover a paz, o diálogo entre culturas, a diversidade e o respeito pelos direitos humanos e pela dignidade humana, erradicar a discriminação, promover a liberdade de expressão, fomentar a igualdade de género e reforçar o papel da juventude para a mudança social.

 

Um Apelo à Paz e à Unidade Mundial

Imagem © DR (202304030) 30 de Abril é o Dia Internacional do Jazz C
Painel de artistas que vão participar nas celebrações deste ano

O evento principal do Dia Internacional do Jazz é um espetacular concerto global All-Star que enfatiza a importância do jazz como meio de alcançar a unidade e a paz por meio do diálogo e da diplomacia e apresenta performances de alguns dos artistas de jazz mais talentosos do Mundo.

O concerto global All-Star de 2023 será efectuado em 12 cidades simultaneamente. Pequim, Beirute, Casablanca, Joanesburgo, Marondera, Paris, Rio de Janeiro, Viena, Fairbanks, Nova York, São Francisco e Washington, DC.

Uma variedade de artistas apresentará uma seleção multilíngue de ofertas que enfatizará a riqueza e a relevância do jazz para aprendizes em todos os níveis. A programação estará disponível em árabe, inglês, francês, mandarim e espanhol, com temas que incluem música para crianças, improvisação e a interseção da harmonia do jazz e tradições musicais internacionais diversas.

 

O 10º Aniversário do Dia Internacional do Jazz

O 10º aniversário do Dia Internacional do Jazz, a maior celebração anual de jazz do Mundo, ocorreu a 30 de Abril de 2021, com milhares de programas em todo o Mundo culminando em um espetacular concerto global All-Star na sede da UNESCO, em Nova York, Los Angeles, Paris, Cidade do Cabo, Moscovo, Tóquio, Rio de Janeiro e outras cidades ao redor do Mundo.

Foi Apresentado por Michael Douglas, a partir da sede das Nações Unidas em Nova York, o concerto global apresentou performances de uma variedade de ícones do jazz representando mais de 20 países.

 

Por Que Celebramos Dias Internacionais?

Os dias e semanas internacionais são ocasiões para educar o público sobre questões de preocupação, mobilizar a vontade política e recursos para enfrentar problemas globais e celebrar e reforçar as realizações da humanidade. A existência de dias internacionais antecede o estabelecimento das Nações Unidas, mas a ONU abraçou-os como uma poderosa ferramenta de defesa.

 

Conclusão

Desde a sua criação em 2011, o Dia Internacional do Jazz tem sido um poderoso exemplo do papel que a música pode desempenhar na promoção da paz e da harmonia em todo o mundo.

Como uma celebração mundial, destaca a importância do jazz como uma ferramenta para promover a unidade, o diálogo intercultural e a inclusão. Ao longo dos anos, este dia tem-se expandido e, agora, inclui milhares de eventos em todo o mundo, tornando-se a maior ferramenta global em prol da paz e da harmonia.

 

O que achas deste evento? Já conhecias o Dia Internacional do Jazz? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Ver Também:

28 de Abril: Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho

24 de Abril: Dia Internacional do Multilateralismo e da Diplomacia pela Paz

1 de Abril o Dia das Mentiras morreu?

27 de Março é o dia Mundial do Teatro

23 de Março: Dia da Libertação da África Austral

O clima extremo do Dia Mundial da Meteorologia

Dia Mundial da Água celebra-se a 22 de Março

21 de Março: O dia do ano com mais efemérides

20 de Março é o Dia Internacional da Felicidade

19 de Março é Dia do Pai e Dia Mundial do Artesão

A verdadeira história do dia 8 de Março

14 de Fevereiro, não é só o Dia dos Namorados

14 de Fevereiro. Dia dos Namorados. Porquê?

13 de Fevereiro é o Dia Mundial do rádio

11 de Fevereiro é o Dia Internacional das Mulheres e Raparigas na Ciência

O Dia de África já tem 50 anos

Imagem: © DR 
Francisco Lopes-Santos
Francisco Lopes-Santos

Ex-atleta olímpico, tem um Doutoramento em Antropologia da Arte e dois Mestrados um em Treino de Alto Rendimento e outro em Belas Artes. Escritor prolifero, já publicou vários livros de Poesia e de Ficção, além de vários ensaios e artigos científicos.

Francisco Lopes-Santoshttp://xesko.webs.com
Ex-atleta olímpico, tem um Doutoramento em Antropologia da Arte e dois Mestrados um em Treino de Alto Rendimento e outro em Belas Artes. Escritor prolifero, já publicou vários livros de Poesia e de Ficção, além de vários ensaios e artigos científicos.
Ultimas Notícias
Noticias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com