18.5 C
Londres
Sábado, Junho 22, 2024

Criar Arte Em Sapatilhas De BD Até Cesária

Apesar dos obstáculos, mantém a ambição, graças a uma motivação particular que recebeu quando era criança.

Criar Arte Em Sapatilhas De BD Até Cesária.

Num recanto da cultura cabo-verdiana, Marilson Tavares, jardineiro do parlamento de Cabo Verde e aspirante a pintor, encontra na personalização de sapatilhas a sua expressão de paixão e talento.

Aos 20 anos, transforma simples sapatilhas em obras de arte, partilhada no Instagram, como ‘Arte Dnox Crioulo Official’. Enquanto enfrenta obstáculos financeiros, mantém a determinação de realizar o sonho de ser um grande pintor, impulsionado por uma professora que acreditou no seu potencial desde a infância.

 

Arte em Sapatilhas

Imagem © 2023 Elton Monteiro (20231119) Criar Arte Em Sapatilhas De BD Até CesáriaUm par de sapatilhas com um desenho de Cesária Évora, voz da morna e ícone da cultura cabo-verdiana, ganha relevo na página de Marilson Tavares na rede social Instagram, onde cresce a popularidade da sua arte de personalizar sapatilhas.

Marilson, 20 anos, é jardineiro do parlamento de Cabo Verde, na Praia, mas desde criança que impressiona todos à sua volta com desenhos e pinturas. Cresceu a querer ser “um grande pintor“, mas a falta de rendimentos tem travado o sonho, deixando o restauro e pintura de sapatilhas como sinal visível da sua paixão que assina na Internet como ‘Arte Dnox Crioulo Official’.

Com o 12.º ano de escolaridade concluído, inscreveu-se numa formação na área do desenho e pintura, em 2022, mas não a acabou. “Acabei por desistir“, por falta de dinheiro para pagar as propinas e transportes, diz, com mágoa, porque queria “ganhar conhecimentos” e experiência com quem também se dedicada às artes.

Apesar dos obstáculos, mantém a ambição, graças a uma motivação particular que recebeu quando era criança:

“Alguns não acreditavam, mas a minha professora tinha tanta confiança em mim que disse que, um dia, eu ia conseguir alcançar o meu sonho. E eu não quero desistir”.

Com uma vocação conhecida de todos, alguns amigos começaram a sugerir-lhe que aplicasse a arte ao pronto-a-vestir ou a sapatilhas e assim arrancou a carreira que faz das redes sociais a sua principal montra.

 

O Desafio de Ser Artista

Imagem © 2023 Elton Monteiro (20231119) Criar Arte Em Sapatilhas De BD Até CesáriaMarilson vive em casa da mãe, na Várzea, um dos bairros centrais da Praia e é numa divisão ainda em construção que ocupa uma única mesa com pincéis, tintas acrílicas, uma ‘airbrush’ (nome dado à máquina de pinturas) e um secador de cabelo. Ao lado, uma sapateira está quase cheia com encomendas, não só de Cabo Verde, mas também de Portugal e França.

“Quando comecei a fazer desenhos realistas nos sapatos dos clientes, vi que eles não ficavam satisfeitos. É um desafio imenso”.

“Tenho uma ‘airbrush’, mas é fraca, o trabalho não fica como quero e os clientes querem a perfeição”.

É um desafio agravado pela falta de recursos para “comprar todos os equipamentos“, conta ele. Por isso, sempre que pode, poupa para investir no negócio,

Leva quatro horas para desenhar um par de sapatilhas, seja um desenho de girassol, seja para fazer a cara de alguém – além de Cize (Cesária), numas sapatilhas que já vendeu e também Amílcar Cabral, fundador da independência, foi um ícone que já pintou.

Figuras da história surgem ao lado de heróis de banda desenhada e cada personalização custa três mil escudos (27 euros), “um preço acessível“, tendo em mente um equilíbrio entre crise económica no país e os requisitos da arte.

 

Conclusão

As sapatilhas transformadas por Marilson deixam de ser uma peça de calçado para se transformarem em telas vivas. O jovem artista, apesar de interrupções na sua formação, devido aos problemas financeiros, entre heróis da BD, canaliza a história cabo-verdiana, de Cesária Évora a Amílcar Cabral, nos seus desenhos.

Cada par, meticulosamente concebido em aproximadamente quatro horas, equilibra a criatividade, a arte e a realidade económica do país, tornando o trabalho de Marilson uma fusão única de criatividade e pragmatismo. Este é um mergulho único na expressão artística cabo-verdiana, onde a falta de recursos não limita a visão vibrante do seu autor.

 

O que achas da inovação deste cabo-verdiano a fazer arte em sapatilhas? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Imagem: © 2023 Elton Monteiro
Lusa - Agência de Notícias de Portugal
Agencia Lusa

É a maior agência noticiosa de língua portuguesa, faz parte da Aliança das Agências de Informação de Língua Portuguesa e tem mais de 280 jornalistas espalhados por todo o mundo. Para além das principais cidades de Portugal, a Lusa tem delegações ou correspondentes permanentes na Bélgica, Espanha, Alemanha, Reino Unido, França, Luxemburgo, Rússia, Estónia, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique, Índia, São Tomé e Príncipe, África do Sul, Argélia, Timor-Leste, Macau, China, Brasil, Venezuela, Estados Unidos, Canadá e Austrália. Fornece um serviço noticioso a inúmeros jornais, rádios e canais de televisão portugueses, aos meios de comunicação social das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo e a agências noticiosas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa. Subscrevem também os serviços da Lusa diversas instituições públicas e privadas.

Agencia Lusahttps://www.lusa.pt/
É a maior agência noticiosa de língua portuguesa, faz parte da Aliança das Agências de Informação de Língua Portuguesa e tem mais de 280 jornalistas espalhados por todo o mundo. Para além das principais cidades de Portugal, a Lusa tem delegações ou correspondentes permanentes na Bélgica, Espanha, Alemanha, Reino Unido, França, Luxemburgo, Rússia, Estónia, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique, Índia, São Tomé e Príncipe, África do Sul, Argélia, Timor-Leste, Macau, China, Brasil, Venezuela, Estados Unidos, Canadá e Austrália. Fornece um serviço noticioso a inúmeros jornais, rádios e canais de televisão portugueses, aos meios de comunicação social das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo e a agências noticiosas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa. Subscrevem também os serviços da Lusa diversas instituições públicas e privadas.
Ultimas Notícias
Noticias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com