12.5 C
Londres
Domingo, Maio 26, 2024

Stevie Wonder Recebe A Nacionalidade Ganesa

Mais de 300 pessoas já foram agraciadas com a cidadania ganesa desde o lançamento da iniciativa "Ano do Retorno".

Stevie Wonder Recebe A Nacionalidade Ganesa


O lendário cantor norte-americano Stevie Wonder foi agraciado com a cidadania ganesa pelo Presidente do Gana, Nana Akufo-Addo, em uma cerimónia realizada na Casa do Jubileu, em Acra, a capital do Gana. Este evento, dá início a um marco significativo nas iniciativas do país para atrair cidadãos da diáspora e reconhecer as suas contribuições excepcionais.

Stevie Wonder, nascido Stevland Hardaway Morris, é uma das figuras mais proeminentes da música popular, com uma carreira que abrange mais de seis décadas. A cidadania ganesa não é apenas uma honra pessoal para o músico, é também um símbolo do profundo vínculo entre o Gana e a sua diáspora.

 

O Reconhecimento Oficial


Akufo-Addo elogiou Stevie Wonder pelas suas contribuições extraordinárias para a música e pela sua dedicação incansável à diáspora africana. O Ministro do Interior, Henry Quartey, elogiou o presidente por encabeçar a iniciativa do “Year of Return” (Ano do Retorno) que, culminou até agora, no registo de 252 indivíduos das comunidades da diáspora americana e caribenha como ganesas.

Este evento destaca o papel vital que os africanos na diáspora desempenham na construção do continente e fortalece os laços culturais entre o Gana e a sua comunidade global. Stevie Wonder, um admirador de longa data do Gana e do seu rico património cultural, expressou uma profunda gratidão e alegria pela honra que lhe foi concedida.

Segundo o próprio, ele foi atraído pela vibrante cultura e calorosa hospitalidade do Gana e estava emocionado por agora poder dizer que é um cidadão ganes. A atribuição da cidadania a Stevie Wonder destaca o seu compromisso com o continente africano e o seu papel como embaixador cultural.

O cantor, já tinha expressado anteriormente, o seu desejo de se mudar para o Gana como uma forma de escapar da injustiça racial que enfrente nos Estados Unidos da América (EUA) e também para reencontrar as suas raízes africanas.

Ele acredita que o futuro de África está na sua juventude e, está comprometido, em ajudar a desencadear o seu potencial. Este momento, é um orgulho não só para Stevie Wonder mas também para todo o continente africano que finalmente celebra as suas ligações com figuras proeminentes da sua diáspora.

 

O Significado da Atribuição


O amor de Stevie Wonder pelo Gana foi alimentado pelas pessoas que lá conheceu, incluindo o falecido Presidente ganes Jerry Rawlings. A sua música tem sido uma fonte de inspiração para gerações de ganeses e africanos em todo o mundo, fortalecendo os laços culturais entre o Gana e a sua diáspora.

O seu álbum “Conversation Peace”, foi escrito durante uma visita que efectuou ao Gana e, desde a sua visita, tem expressado o seu compromisso em desenvolver iniciativas integradoras, especialmente as que criem oportunidades de emprego para a juventude ganesa.

O Gana tem orgulho de ser um bastião do pan-africanismo e, a cidadania de Stevie Wonder, é uma prova tangível desse compromisso com a unidade africana. É também um reconhecimento das contribuições excepcionais da diáspora africana e, é esperado que inspire mais colaboração e intercâmbio entre o Gana e a sua vasta diáspora espalhada pelo mundo.

 

“Year of Return”


O Gana lançou a iniciativa “Ano do Retorno” para encorajar indivíduos da sua diáspora a regressarem ao país, destacando assim o seu compromisso com a integração da diáspora.

Mais de 300 pessoas já foram agraciadas com a cidadania ganesa desde o lançamento da iniciativa “Ano do Retorno”. Isso demonstra o reconhecimento do Gana pelas contribuições excepcionais da diáspora com o país e com o continente.

A cidadania atribuída a Stevie Wonder representa um renascimento da sua identidade africana e um compromisso renovado com o continente, sendo um reflexo do sucesso desta iniciativa e um testemunho do papel vital da diáspora na história e cultura do Gana que é agora reconhecido como um centro de excelência cultural e intelectual africano.

 

Conclusão


A atribuição da cidadania do Gana a Stevie Wonder é mais do que uma honra pessoal; é um símbolo do profundo vínculo entre o Gana e a sua diáspora. Isso destaca o papel vital que os africanos na diáspora desempenham na construção do continente e fortalece os laços culturais entre o Gana e sua comunidade global.

 

O que achas desta honraria concedida a Stevie Wonder? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 


Imagem: © 2024 Ministry of the Interior  - Republic of Ghana
Francisco Lopes-Santos
Francisco Lopes-Santos

Ex-atleta olímpico, tem um Doutoramento em Antropologia da Arte e dois Mestrados um em Treino de Alto Rendimento e outro em Belas Artes. Escritor prolifero, já publicou vários livros de Poesia e de Ficção, além de vários ensaios e artigos científicos.

Francisco Lopes-Santoshttp://xesko.webs.com
Ex-atleta olímpico, tem um Doutoramento em Antropologia da Arte e dois Mestrados um em Treino de Alto Rendimento e outro em Belas Artes. Escritor prolifero, já publicou vários livros de Poesia e de Ficção, além de vários ensaios e artigos científicos.
Ultimas Notícias
Noticias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com