Guiné-Bissau: o Carnaval já chegou ao fim.

Nesta terça-feira, 21 de Fevereiro de 2023, a Guiné-Bissau encerrou o seu principal evento popular, o Carnaval, sob o lema “Carnaval de Coesão Nacional e Integração Regional”. Desde sexta-feira passada, 20 grupos desfilaram na avenida João Bernardo Vieira, ao som de música alta, apitos e danças.

Devido às dificuldades financeiras do país, o tradicional concurso de grupos não ocorreu este ano e, em vez disso, foi solicitado que os “carnavalistas” fizessem demonstrações livres de trajes, máscaras e danças folclóricas das diferentes etnias guineenses.

Este ano, grupos de comunidades de emigrantes da Guiné-Conacri, Nigéria e Senegal também se juntaram ao Carnaval guineense, em uma tentativa de reforçar a coesão nacional e a integração regional.

O presidente da comissão organizadora, Leonardo Cardoso, afirmou que o Carnaval é o principal marco da coesão entre os guineenses.

O governo também convidou o ministro da Cultura e do Património Histórico do Senegal, Aliu Só, para liderar uma importante delegação no evento.

Enquanto isso, a polícia de ordem pública colocou cerca de 3.500 agentes nas ruas de Bissau para garantir a segurança durante o evento.

O presidente da Câmara Municipal de Bissau, José Medina Lobato, enfatizou o espírito de tranquilidade que tem marcado o Carnaval deste ano e a presença de muitos turistas estrangeiros.

“É uma das maiores festas populares que temos no país, já tradicional, onde demonstramos a nossa cultura, a nossa tradição e a nossa diversidade cultural, normalmente”.

“Este ano, felizmente, já começou desde sexta-feira e está a decorrer muito bem, sem problemas, sem indisciplina, sem agressões”.

“Queremos um Carnaval com harmonia, um Carnaval de solidariedade”.

O objetivo da Guiné-Bissau, é tornar o Carnaval um evento internacional e uma forma de demonstrar a cultura, tradição e diversidade da cultural do país.

 

O que achas do Carnaval da Guiné-Bissau? Há quem diga, que este é o maior Carnaval africano. Concordas com isso? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.
Imagem: © 2023 M. Bonutto
Logo Mais Afrika 544
Mais Afrika

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!