18.3 C
Londres
Domingo, Julho 21, 2024

RDC: União Africana Condena Mortes Por Terrorismo

Há décadas que o leste da RDC, país que faz fronteira com Angola, é vítima da violência dos grupos armados.

RDC: União Africana Condena Mortes Por Terrorismo


A União Africana (UA) condenou hoje veementemente os massacres cometidos por um grupo rebelde no leste da República Democrática do Congo (RDC), que mataram 150 pessoas em junho.

Segundo um comunicado, o presidente da comissão da UA, Moussa Faki Mahamat, “tomou conhecimento, com consternação, da multiplicação dos massacres de civis inocentes pelas Forças Democráticas Aliadas (ADF) nos territórios de Beni e Lubero, na província de Kivu do Norte, na RDC“.

“O presidente da comissão condena veementemente estes ataques, que já custaram a vida a 150 pessoas desde o início de junho”, referiu o comunicado.

Mahamat “encoraja as autoridades congolesas, em colaboração com os países da região, a intensificar os seus esforços para travar a expansão da ameaça terrorista na região dos Grandes Lagos“.

Segundo Mahamat, há um “empenhamento contínuo da União Africana para com os países da região dos Grandes Lagos na sua luta contra o terrorismo“.

Desde o início do mês, pelo menos 150 pessoas foram mortas em ataques atribuídos às ADF, que têm origem no vizinho Uganda.

O grupo tem estado ativo no leste da RDC há décadas e prometeu fidelidade ao Estado Islâmico, que o descreve como o seu ramo na África Central.

Imagem: © DR (20240617) RDC: União Africana Condena Mortes Por TerrorismoDesde o final de 2021, os exércitos congolês e ugandês têm feito operações conjuntas contra as ADF no Kivu do Norte e na província vizinha de Ituri, sem conseguir, até à data, pôr termo aos ataques sangrentos contra civis.

Há décadas que o leste da RDC, país que faz fronteira com Angola, é vítima da violência dos grupos armados.


Imagem: © DR
Lusa - Agência de Notícias de Portugal
Agencia Lusa

É a maior agência noticiosa de língua portuguesa, faz parte da Aliança das Agências de Informação de Língua Portuguesa e tem mais de 280 jornalistas espalhados por todo o mundo. Para além das principais cidades de Portugal, a Lusa tem delegações ou correspondentes permanentes na Bélgica, Espanha, Alemanha, Reino Unido, França, Luxemburgo, Rússia, Estónia, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique, Índia, São Tomé e Príncipe, África do Sul, Argélia, Timor-Leste, Macau, China, Brasil, Venezuela, Estados Unidos, Canadá e Austrália. Fornece um serviço noticioso a inúmeros jornais, rádios e canais de televisão portugueses, aos meios de comunicação social das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo e a agências noticiosas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa. Subscrevem também os serviços da Lusa diversas instituições públicas e privadas.

Agencia Lusahttps://www.lusa.pt/
É a maior agência noticiosa de língua portuguesa, faz parte da Aliança das Agências de Informação de Língua Portuguesa e tem mais de 280 jornalistas espalhados por todo o mundo. Para além das principais cidades de Portugal, a Lusa tem delegações ou correspondentes permanentes na Bélgica, Espanha, Alemanha, Reino Unido, França, Luxemburgo, Rússia, Estónia, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique, Índia, São Tomé e Príncipe, África do Sul, Argélia, Timor-Leste, Macau, China, Brasil, Venezuela, Estados Unidos, Canadá e Austrália. Fornece um serviço noticioso a inúmeros jornais, rádios e canais de televisão portugueses, aos meios de comunicação social das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo e a agências noticiosas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa. Subscrevem também os serviços da Lusa diversas instituições públicas e privadas.
Ultimas Notícias
Noticias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com